19 de maio de 2008

The Magnificent Seven

Sete Homens e Um Destino

Quando um pequeno vilarejo mexicano é aterrorizado pelo temido bandido Calvera (Eli Wallach) e sua gangue sanguinária, apenas Sete Homens têm a coragem, a ousadia e o poder de fogo para vir em seu socorro. Os fazendeiros da cidade não têm armas, dinheiro e nem temperamento violento. Portanto, viajam até a fronteira, onde encontram Chris (Yul Brynner) e Vin (Steve McQueen), dois pistoleiros desempregados, que reúnem mais 5 destemidos foras-da-lei, incluindo James Coburn, Charles Bronson e Robert Vaughn. Agora os Sete Homens estão prontos para entrar em ação e não estão neste negócio por dinheiro - seu interesse é a aventura. A princípio, a vitória parecia garantida. Mas Calvera não desiste facilmente, e resolve voltar para derramar mais sangue. Os Sete Homens precisam cavalgar de volta ao povoado e libertá-lo em uma luta espetacular até a morte, que torna este filme um verdadeiro clássico entre os filmes de ação e aventura. Baseado no filme de Akira Kurosawa: Os Sete Samurais, de 1954.

The Magnificent Seven - 1960 - Sete Homens e Um Destino
Elmer Bernstein - DeLuxe Edition

01. Main Title and Calvera
02. Council
03. Quest
04. Strange Funeral - After The Brawl
05. Vin's Luck
06. And Then There Were Two
07. Fiesta
08. Stalking
09. Worst Shot
10. The Journey
11. Toro
12. Training
13. Calvera's Return
14. Calvera Routed
15. Ambush
16. Petra's Declaration
17. Bernardo
18. Surprise
19. Defeat
20. Crossroads
21. Harry's Mistake
22. Calvera Killed
23. Finale


Sete Homens e Um Destino 2

Os lendários heróis causam furor no México e fazem história no cinema - novamente! Com Yul Brynner, vencedor do Oscar e um elenco de astros coadjuvantes, que inclui Robert Fuller, Warren Oates e Claude Akins, Sete Homens e um Destino 2 conta ainda com a indicação ao Oscar de melhor música para Elmer Bernstein. Um filme fantástico sobre o agitado faroeste.!!
Seis anos se passaram desde que Chico (Julian Mateos) cavalgou ao lado de Chris Adams (Yul Bynner) e de seu bando de pistoleiros. Neste meio tempo, ele casou-se com a bela Petra (Elisa Montes) e prometeu abandonar suas armas para sempre. Mas o cruel fora-da-lei Lorca (Emilio Fernandez) começa a aterrorizar sua cidade. Chico, Chris e outros cinco corajosos pistoleiros decidem enfrentá-los. Agora, com as probabilidades contra eles, os sete bravos surgem com suas armas fumegantes para enfrentar o tiroteio de suas vidas, naquela que pode ser sua última batalha!

Return Of The Magnificent Seven
- 1966 -
Sete Homens e Um Destino 2
Elmer Bernstein

01. Return of the 7 Magnificent - Main Title
02. Bandidos
03. Return of the Seven
04. Defeat
05. Mariachis de Mexico
06. El Toro
07. The Journey
08. Council
09. Petra's Declaration
10. In the Trap
11. Battle
12. Return of the Seven - Finale

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here





Um comentário:

BORBOLETAS DE JADE disse...

Elmer Bernstein (1922-2004)
Nascido na cidade de Nova York no dia 04 de abril de 1922, Elmer Bernstein dedicou à música aos 12 anos de idade. Estudou piano, e gradualmente transpareceu que ele tinha um talento nato para a improvisação. Logo atraiu a atenção de Aaron Copland, que fez com que o jovem estudasse com um de seus pupilos, Israel Sitowitz. Isto abriu caminho para que Elmer pudesse estudar composição com Roger Sessions e Stefan Wolpe. Elmer começou a dar recitais ao final de sua adolescência, e aos 21 anos, prestou o Serviço Militar. De uniforme, sua habilidade ao piano lhe seria de pouca valia, mas em virtude de seu grande conhecimento da música americana, ele foi transferido para o Serviço de Rádio das Forças Armadas, onde tornou-se arranjador, e em breve, compositor de músicas incidentais para produções radiofônicas.
Em 1949, sua experiência como compositor de rádio foi convidado pelo serviço de rádio das Nações Unidas, para compor uma partitura para celebrar o armistício conseguido pela ONU em Israel. O programa foi transmitido pela NBC, e foi ouvido pelo estimado escritor/produtor Norman Corwin, que contratou Elmer para compor o score de um de seus dramas de rádio. Este, por sua vez, foi ouvido por um executivo da Columbia Pictures, que convidou-o a musicar 2 filmes, Saturday's Hero e Boots Malone, ambos em 1951.
Uma grande produção surgiu em seu caminho - The Ten Commandments, o épico de 4 horas de duração de Cecil B. DeMille. Victor Young, que compusera a maior parte das trilhas dos filmes anteriores de DeMille, havia falecido, e o produtor/diretor necessitava de alguém que criasse uma partitura no estilo que fora consagrado por Young. Elmer provou que era capaz de fazê-lo, e ao mesmo tempo criar um estilo nitidamente próprio. The Man With The Golden Arm (1956), considerada a primeira grande partitura a utilizar o jazz, valeu a Elmer sua primeira indicação ao Oscar. Desde então, compôs uma longa série de memoráveis trilhas cinematográficas.
A música de Bernstein criou um novo estilo, quando a trilha de The Magnificent Seven definiu o som dos Westerns. Durante as décadas de 60 e 70, ele compôs para os últimos 7 filmes de John Wayne, inclusive True Grit, que valeu a Wayne um Oscar, e o seu último filme, The Shootist, de 1976. Bernstein também continuou a trabalhar com novos diretores, como John Frankenheimer (Birdman of Alcatraz, e The Gypsy Moths). Agraciado com vários prêmios por seu trabalho no cinema, TV, teatro e rádio, Bernstein possui 13 indicações ao Oscar, recebendo-o em 1967 pelo score de Thoroughly Modern Millie (Positivamente Millie), de George Roy Hill. Outros scores indicados incluem The Man with the Golden Arm, The Magnificent Seven, Summer and Smoke, To Kill a Mockingbird, The Return of the Seven, Hawaii, True Grit, Trading Places e The Age of Innocence. Entre as suas canções indicadas ao Oscar, destacam-se Walk on the Wild Side, My Wishing Doll de Hawaii e Wherever Love Takes Me, de Gold.

Bernstein também compôs para algumas das comédias de maior sucesso dos anos 70 e 80, como National Lampoon's Animal House, de John Landis, Slap Shot, Meatballs, Airplane!, a animação cult de Ivan Reitman Heavy Metal, Stripes, Trading Places, (que lhe valeu sua 12ª indicação ao Oscar), Ghostbusters, Three Amigos, e Funny Farm. A parceria de Bernstein com Martin Scorsese iniciou logo após The Grifters, filme noir dirigido por Stephen Frears e estrelado por Anjelica Huston, Annette Bening e John Cusack. Quando soube que Scorsese estava refilmando Cape Fear, Bernstein telefonou para o diretor e pediu para adaptar a partitura original de Bernard Herrmann. "Bernard Herrmann foi um dos meus heróis", explica Elmer, "e achei que seria um privilégio adaptar um dos seus scores. Compus 6 minutos de música original, mas usamos na maior parte o trabalho original de Herrmann. Como a versão de Scorsese é bem diferente da original, tivemos de redistribuir as faixas." Bernstein, inclusive, utilizou trechos do score de Herrmann para Torn Curtain, que foi rejeitado por Hitchcock, mas que havia regravado nos anos 70, como parte de sua The Film Music Collection.
Elmer Bernstein veio a falecer no dia 18 de agosto de 2004, em sua residência na Califórnia, aos 82 anos. Sabia-se que ele estava doente há tempos, mas a causa da sua morte não foi revelada. "A arte de realmente apoiar um filme dramaticamente, onde o compositor é praticamente uma extensão do roteiro - isso é muito raro hoje em dia, o que torna a morte de Bernstein ainda mais triste", disse à revista Times Marilyn Bergman, presidente da Associação Americana de Compositores, Autores e Editores. Bergman destaca que Bernstein era um compositor completo. "Ele foi treinado para o clássico e podia fazer de tudo", acrescentou. O músico era casado com Eve, e tinha quatro filhos e cinco netos.