7 de novembro de 2009

The Munsters

Os Monstros

A família Monstro morava no número 1313 da Mockinbird Lane, em Mockinbird Heights (algo como Travessa da Gralhas, no Monte das Gralhas). Um endereço estranho e que deu muito trabalho aos correios dos Estados Unidos nos anos 60. Afinal, foram milhares e milhares de cartas enviadas para o endereço fictício e que acabavam sendo levadas para a Universal Studios, onde o seriado era produzido.
Era uma família simpática: Herman Monstro (Fred Gwynne), natural da Alemanha, era filho de um certo Dr. Frankeinstein; Lily Drácula Monstro (Yvonne De Carlo), era a esposa devotada, porém num estilo bem diferente de Mortícia, pois era vampira nas horas vagas; Vovô (Al Lewis) era um doce pessoa de 370 anos e também um gênio dos laboratórios - ele tinha um na mansão; o filho do casal era o jovem Edward Wolfgang Monstro (Butch Patrick), conhecido como Eddie, um garoto de 10 anos absolutamente normal se você não ligasse para as orelhas pontudas, os dentes caninos afiados e a pele esverdeada do menino; e finalmente, Marilyn (Beverley Owen em 1964 e Pat Priest de 1964 a 1966), sobrinha de Lily, considerada a ovelha negra da família, mas nem por isso menos amada. A moça era loira, tinha olhos verdes e era extremamente graciosa, ou seja, um horror!
Os personagens contavam ainda com roupas exóticas. Fred Gwynne, o Herman, era obrigado a usar enormes paletós com forros e botas que pesavam 10 quilos para se tornar um monstro convincente de 2,23 de altura. O calor e o peso das roupas obrigavam a equipe a realizar todas as cenas com Herman na parte da manhã, uma dificuldade já que a maior parte dos episódios giravam em torno do seu personagem.
Da mansão em Mockinbird passando pela decoração interna e pelos carros da família, nada foi esquecido. A grande mansão dos Monstros foi usada em vários filmes da Universal. Com alguns milhares de dólares, ela se transformou na mais lúgubre residência dos estúdios.
Mas, na verdade, somente a parte externa existia. Todas as cenas internas eram feitas em estúdio. Algumas relíquias do seriado foram preservadas, como os automóveis da família criados por George Barris, o criador do batmóvel do seriado Batman. Os monstros tinham um carro para toda a família e Vovô era dono de uma, digamos, baratinha, que tinha sobre o chassi um grande caixão. Na verdade, um caixão sobre rodas!
A família tinha também vários animais de estimação que esporadicamente apareciam: um morcego; um gato que em vez de miar, rugia; e um outro animal que vivia debaixo da escada com o nome de Carranca, que era só ouvido e nunca apareceu.
Geralmente as histórias ficavam em torno do espanto que a família provocava nos vizinhos ou em qualquer um que aparecesse para visitá-los. Marilyn, a sobrinha normal, era a que mais sofria por não parar com um só namorado. Os rapazes sempre fugiam desesperados quando conheciam a família da moça.
Os Monstros agiam como se não fossem diferentes. Herman chegou a fazer parte do time de basquete do bairro e só foi aceito por causa da sua altura. Em um episódio, um raio cai na cabeça de Herman e ele se torna um ser "horrível", ou seja, um ser humano normal vivido pelo próprio ator Fred Gwynne sem maquiagem. Foi a única vez que o ator mostrou o rosto na série. Muitas confusões ficavam a cargo de Vovô, que sempre fazia poções mágicas para ajudar Eddie a ter companhias para brincar ou mesmo arrumar namorados para Marylin. Claro que o tiro sempre saía pela culatra.

The Munsters - 1964 - Os Monstros

01. At The Munsters
02. Herman Says Hello
03. It Takes All Kinds
04. Everyone Is Welcome
05. Meet Our Pets!
06. Meet Grandpa!
07. Grandpa's Lab
08. Eddie!
09. I Wish Everyone Was
10. Marilyn - When Will
11. Knock Upon Our Door
12. Herman's Favorite Story
13. Lily's Favorite Story
14. Grandpa's Recipe
15. Final Theme

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here





Nenhum comentário: