24 de maio de 2008

Trois Couleurs / Blanc / Bleu / Rouge

Trilogia das Cores

Krzysztof Kieślowski (Varsóvia, 27 de junho de 1941 — Varsóvia, 13 de março de 1996) foi um diretor de cinema da Polónia. Estudou cinema na Escola de Teatro e Cinema de Lodz, por onde também passaram os cineastas Roman Polanski e Andrzej Wajda.
A carreira de Kieslowski se divide entre a fase polonesa e a francesa. Depois de concluir a faculdade, o jovem diretor começa a produzir documentários. A vida dos trabalhadores e dos soldados era o foco principal desses filmes. A narrativa dos documentários passa a influenciar os primeiros filmes de ficção do diretor. "A Cicatriz", "Blind Chance" e "Amador" são exemplos desse estilo.
Mais tarde, Krzysztof Kieslowski realizou para a Televisão Polonesa uma série de filmes baseados nos Dez Mandamentos (chamada Decálogo) - um filme por mandamento, todos tratando de conflitos morais. Dois deles foram posteriormente produzidos, transformados em longa-metragens: Não Matarás e Não Amarás. A forma de contar a história muda nesta fase. O diretor passa a usar uma quantidade mínima de diálogos, concentrando-se no poder da imagem e das cores. As palavras são substituídas por uma poesia imagética.

O cineasta aprimora seu estilo ao realizar seus próximos filmes. Os quatro últimos filmes do diretor foram realizados através de uma produção francesa: "A dupla vida de Veronique" (estrelando Irène Jacob) e a Trilogia das Cores (A liberdade é azul, A Igualdade é Branca e A Fraternidade é Vermelha). A trilogia das cores foram filmes os quais deram um maior sucesso comercial ao diretor. São baseados nas cores da bandeira francesa e no slogan da revolução do país. O toque de Kieslowski está na sua representação das palavras liberdade, igualdade e fraternidade e na forma que as cores dão o ambiente psicológico da história. Outro ponto interessante é reparar no cruzamento de elementos em comum entre os três filmes.
Depois do último filme da trilogia o diretor anunciou a sua aposentadoria devido ao fato de estar cansado de fazer cinema. Porém, começa a escrever o roteiro da trilogia "Paraíso, Purgatório e Inferno", baseada na Divina Comédia de Dante Alighieri. Kieslowski morre em 1996, aos 54 anos, sem concluir esses filmes. Em 2002, Tom Twyker filma o roteiro de "Paraíso", idealizado pelo diretor polonês.

A Igualdade É Branca

A Igualdade é Branca (Trois Couleurs: Blanc)
O polonês Karol casa-se com a francesa Dominique e muda-se para Paris. O casamento não dá certo e Dominique pede o divórcio. Karol passa a viver como mendigo na capital francesa. Após muitos contratempos, ele volta para Varsóvia, onde consegue enriquecer. Ainda apaixonado, Karol trama uma inusitada vingança contra a ex-esposa.








Trois Couleurs Blanc
- 1994 -
A Igualdade É Branca
Zbigniew Preisner

01. The Beginning
02. The Court
03. Dominique Tries To Go Home
04. A Chat In The Underground
05. Return To Poland
06. Home At Last
07. On The Wisla
08. First Job
09. Don't Fall Asleep
10. After The First Transaction
11. Attempted Murder
12. The Party On The Wisla
13. Don Karol I
14. Phone Call To Dominique
15. Funeral Music
16. Don Karol II
17. Morning At The Hotel
18. Dominique's arrest
19. Don Karol III
20. Dominique In Prison
21. The End

A Liberdade É Azul


A Liberdade é Azul (Trois Couleurs: Bleu)

França, início dos anos 90, às vésperas da Unificação Européia. Julie perde o marido, um famoso compositor, e a filha num trágico acidente de carro. Traumatizada, ela procura se libertar de tudo que lhe lembre o passado e, aos poucos, tenta reencontrar a vontade de viver.








Trois Couleurs Bleu
- 1994 -
A Liberdade É Azul
Zbigniew Preisner

01. Song For The Unification Of Europe (Patrice's Version)
02. Van Den Budenmayer-Funeral Music (Winds)
03. Julie-Glimpses Of Burial
04. Reprise-First Appearance
05. The Battle Of Carnival And Lent
06. Reprise-Julie With Olivier
07. Ellipsis 1
08. First Flute
09. Julie-In Her New ApartMent
10. Reprise-Julie On The Stairs
11. Second Flute
12. Ellipsis 2
13. Van Den Budenmayer-Funeral Music (Organ)
14. Van Den Budenmayer-Funeral Music (Full Orchestra)
15. The Battle Of Carnival And Lent II
16. Reprise-Flute (Closing Credits Version)
17. Ellipsis 3
18. Olivier's Theme-Piano
19. Olivier & Julie-Trial Composition
20. Olivier's Theme-Finale
21. Bolero-Trailer For 'Red' Film
22. Song For The Unification Of Europe (Julie's Version) (Film)
23. Closing Credits
24. Reprise-Organ
25. Bolero-'Red' Film

A Fraternidade É Vermelha


A Fraternidade é Vermelha (Trois Couleurs: Rouge)

Valentine é uma jovem modelo que vive em Genebra. Certo dia, atropela uma cachorrinha e, preocupada, sai em busca de seu dono. Assim, conhece o homem que mudará a sua vida: um juiz aposentado que passa os dias espionando as conversas telefônicas de seus vizinhos. É o início de uma história de redenção, compaixão e perda sobre a comunicação entre os homens. Versão restaurada com quase uma hora de extras.






Trois Couleurs Rouge
- 1994 -
A Fraternidade É Vermelha
Zbigniew Preisner

01. Love At First Sight
02. Fashion Show l
03. Meeting The Judge
04. The Tapped Conversation
05. Leaving The Judge
06. Psychoanalysis
07. Today Is My Birthday
08. Do Not Take Another Man's Wife l
09. Treason
10. Fashion Show ll
11. Conversation At The Theatre
12. The Rest Of The Conversation At The Theatre
13. Do Not Take Another Man's Wife II
14. Catastrophe
15. Finale
16. L'Amour Au Premier Regard

Informações e Links por email - Aqui

Information and links via email -
Here





Nenhum comentário: